Pais fazem sala de aula na roça para filho assistir aula

Material pronto: Cartões de 0 a 10 / Alfabeto / Coordenação Motora

AULA NO MEIO DA ROÇA PARA TER SINAL DE INTERNET

Uma família de agricultores do interior de Estrela Velha, localizada a 65 km de Ibirubá, improvisou uma sala de aula no meio da roça, onde o sinal da internet do celular permite as aulas remotas.

Em vez de encontrar desculpas, os agricultores Odilésio Somavilla, 54 anos, e Dejanira Somavilla, 35, resolveram fazer o possível com o que têm disponível. “A lavoura é um trabalho duro, e nós queremos que a vida dele seja melhor”, afirma a mãe.
A barraca foi montada com galhos de árvores, caules e um plástico de estufa para permitir que Alan Somavilla, 11 anos, tenha as aulas por meio do Google Class sem se preocupar com a chuva. A classe e a cadeira foram emprestadas pela direção da escola, e o aluno usa um celular para ter o acesso ao conteúdo. “A gente ajuda como pode”, explica o pai.
As fotos foram feitas pela diretora da escola, Giovana Carvalho Dalcin, 46 anos, e começaram a viralizar no RS. “Esses pais poderiam dizer que não têm internet e que ele não poderia acompanhar. Mas foram atrás e criaram isso pra ele. Certamente será um guerreiro na vida”.

Da Redação integrada Rádio Cidade FM e Jornal O Alto Jacuí de Ibirubá
Créditos: Portal Agora no Vale

Professora destrói todo cenário da aula online (veja o vídeo)

Trabalhando há 15 anos na educação infantil no Instituto Pequeno Príncipe, em Bezerros, no Agreste de Pernambuco, Micaelly Miranda ficou assustada depois que viu sua imagem viralizar nas redes sociais nas últimas semanas. Ela aparece em um vídeo mostrando casinhas de emborrachado aos alunos, e os personagens que moravam nelas. Porém, as casinhas começam a cair, e cada vez que a professora coloca uma de pé, a que está ao lado cai. Perdendo a paciência, Micaelly joga todas para cima e destrói o cenário que montou para a aula.

texto completo aqui: https://interior.ne10.uol.com.br/entretenimento/2020/06/18/sou-esposa-mae-e-profissional-diz-professora-que-perdeu-a-paciencia-e-destruiu-casinhas-190313

Sou professora. Qual impressora comprar?

Em meio a tantas atividades dos professores, muitas vezes precisamos de uma impressora em casa ou na escola, que seja prática e eficiente.

Hoje vou falar da impressora que temos aqui em casa, muito parecida também com a da escola (a minha é mais antiga da mesma marca).

O que observar na hora da compra da impressora

O ideal é que a impressora tenha algumas características, sabendo que vamos imprimir muitas e muitas páginas. Muitas vezes 100 cópias de uma única vez e também com qualidade.

A minha impressora é uma Epson L395 (fora de linha), mas vamos falar dela resumidamente. Vou deixar um vídeo dela imprimindo abaixo.

Ela tem uma boa qualidade de impressão (mesmo nos modos rápidos), tem app para celular, então para imprimir boleto, pegar algum documento pelo zap e imprimir é excelente. É sem fio, só uso com fio quando é algo pesado, foto ou apostila com muito detalhe. As coisas do dia a dia vai sem fio mesmo.

Outra coisa importante, ela é que possui tanque de tinta. Pode ser um pouco mais caro mas dura uma eternidade. Eu já imprimi mais de 3000 folhas e não tenho dó alguma de gastar tinta. É ótimo imprimir, errar, fazer de novo e depois imprimir tudo que chega em minhas mãos.

Video da impressora funcionando

Eu estou imprimindo o KIT ACELERA ABC, em qualidade ótima. Na qualidade normal, achei um pouco clarinho.

E você? Ficou com vontade de ter uma impressora de tanque de tinta na sua casa também? Ou você tem uma impressora igual e está gostando dela? Me diz aí!